Milão, Viagens

Milão: Compras

Milão de fato é a capital da Moda. Nem em New York ou em Paris eu vi pessoas tão estilosas e bem vestidas. É uma cidade onde grifes famosas e fast-fashions são vizinhas e convivem em perfeita harmonia. Um lugar para buscar tendências e vê-las sendo colocadas tão bem em prática. E também um ótimo lugar para se fazer compras!!

Se você não tem muito tempo ou não ficará muitos dias na cidade, sugiro que vá ao Centro. Lá você mata dois coelhos com um tiro só. Pode conhecer a catedral de Duomo e depois gastar algumas horinhas nas principais lojas de Milão.

La Rinascente é uma loja de departamentos super completa! São seis andares divididos em cosméticos, femino, masculino, infantil, lingerie (!) e decoração. No sétimo andar fica aquele restaurante bacana que eu comentei nesse post aqui. Todas as lojas bacanas estão reunidas nessa galeria. Lá eu comprei uma carteira da Mont Blanc para o marido, algumas lingeries (para não perder o costume), itens de beauty e namorei algumas it-bags, rsrs. No segmento de lingerie, você irá encontrar grifes como La Perla e Agent Provocateur.

Agent Provocateur na Galeria La Rinascente 

E por falar em lingerie, eu finalmente conheci uma loja que sempre aparece aqui na Soft: a Intimissimi. A loja tem um visual bem clean e as vendedoras são atenciosas. A coleção com maior destaque atualmente é a de homewear, feita de um material bem gostoso. As lingeries não chamaram tanto a minha atenção… Os modelos são bacanas, mas curti as cores e estampas. Mas pude comprovar que as peças são de qualidade e por um preço bem em conta. Sai de lá com duas sacolinhas e nem cheguei aos 100 euros. Alguém sabe se a loja da Intimissimi do Morumbi em São Paulo também é assim?

Mas em toda viagem internacional, o que vale mais a pena são os produtos de beleza. Aqueles que todo mundo adora e que custa o dobro ou mais no Brasil. É possível encontrar bons produtos até nos supermercados. Eu fui com o budget reduzido, então só comprei o básico. Um das melhores descobertas de make-up foi a Kiko. Eu não conhecia a marca e fiquei impressionada. É o famoso bom e barato (confira os preços nos créditos abaixo).

Sephora: Paleta Naked 2 | Kiko: Kajal (4,20 euros), Delineador fininho (6,90 euros), batom glossy (4,90 euros), Primer (8,90) | Duty Free: Delineador em gel Maybelline, Base True Match L’Oréal, Gloss Effect 3D Bourjois , Lencinhos Demaquilantes  L’Oréal | Supermercado: Rímel Colossal Maybelline, Hidratante facial Clinians

Milão, Viagens

Milão: Praça Duomo

Na Praça Duomo está o principal pronto turístico de Milão: a Catedral Duomo di Milano. Ela começou a ser construída em 1386 e levou mais de 400 anos para ficar pronta! O monumento é impressionante, com uma riqueza de detalhes incrível. Eu fiquei pelo menos uma hora admirando a catedral por dentro e por fora e tenho certeza que não consegui ver nem metade desses detalhes.

Vale a pena comprar o bilhete para subir ao topo da catedral. Lá de cima é possível observar Milão de um de seus melhores ângulos. É emocionante! Eu comprei a opção stairs (escada) por 7 euros. Mas quase morri sem fôlego no meio do caminho, rsrsrs. Enquanto subia os mais de 200 degraus, vi vários turistas ofegantes e escorados nas paredes. Sem contar que a escada é muito estreita e sem ventilação natural, o que dificulta ainda mais a subida. Então a minha sugestão é: Vá de elevador! rsrs.

A praça da Duomo fica bem no centro da cidade e a catedral não é a sua única atração. Lá também fica a Gallerie Vittorio Emanuele II. Com uma arquitetura impressionante, a galeria hospeda as principais grifes como Prada, Fendi e Louis Vuitton. Ao fundo fica a Piazza della Scala com o teatro mais charmoso de Milão.

Vale a pena tirar uma tarde para passear pela região e apreciar o estilo de vida milanês.  Eu fiquei um tempinho sentada num restaurante só observando as pessoas, que são extremamente estilosas e bem vestidas! Além disso, o centro tem lojas ótimas… De grifes famosas à fast-fashion! Mas isso já é assunto para um outro post…

Milão, Viagens

Milão: Aperitivos

Foram poucos dias que passei em Milão, mas o suficiente para me apaixonar pela cidade! Além de estilosos, os milaneses são muitos simpáticos e te tratam como se te conhecesse a anos. Depois de um dia cheio de reuniões, eu e a Lu (uma amiga brasileira que mora em Milão) fomos relaxar e conhecer um pouco mais da cidade.

A primeira parada foi no Bar Straf, que fica bem pertinho da Praça Duomo e anexo ao hotel homônimo (Via San Raffaele, 3). O local é parada obrigatória após o trabalho! O Happy Hour dos milaneses é chamado de Aperitivos, pois você paga somente pela bebida e se serve dos petiscos e pastas a vontade.

Na Europa durante o verão e primavera o sol se põe bem mais tarde, por volta das 21 horas. Então ninguém perde tempo dentro dos bares. Cada um pega sua bebida, seu pratinho de aperitivos e vão para as ruas e calçadas. O clima é tão gostoso que não é raro o Happy hour se estender por todos os dias da semana.

Quando começou a anoitecer nós fomos ao il Bar. Ele fica no sétimo andar da galeria La Rinascente (Post sobre ela em breve) e tem uma vista incrível para a catedral Duomo di Milano. O bar também funciona no esquema de aperitivos e ao lado fica o restaurante Maio para quem quer uma refeição mais completa.

Tanto bar como o restaurante é ponto de encontro de fashionistas! Sério, nunca vi tanta gente estilosa e bem vestida reunida. O serviço é bem bacana e os aperitivos mais elaborados. Na foto não dá pra ver porque nós já haviamos devorado quase tudo!! rsrs. Vale a visita!

No dia seguinte, eu subi até o terraço da catedral (também terá post em breve) e fiz uma foto melhor do lado do local: